Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

28 de janeiro de 2015

Leituras no salão de beleza

Geralmente frequento o salão de beleza uma vez ao mês para retocar a tintura do cabelo, fazer mãos e pés. Tudo de uma vez e assim, dá tempo de ler alguma coisa, além de relaxar.

Como não gosto de sair falando sobre a vida, mais ouço do que falo. No momento estou lendo O Menino da lista de Schindler. A dica que gostaria de dar para você não ter a sensação de perder tempo no salão é, carregue sempre seu livro com você e enquanto espera, leia. Dificilmente vejo alguém lendo um livro. Mas, considero uma prática muito boa, bem melhor do que ficar folheando revistas de fofocas.


Características de um bom salão de beleza

Considero um bom salão o que tem material descartável para manicure e pedicure. Toalha, luvas, lixa de unha, pau de laranjeira e pedra pomes. 
Salão que trabalham com Autoclave, são mais eficientes que a estufa na hora de esterilizar. Os alicates são embalados a vácuo e abertos na frente da cliente.

Você gosta de conversar no salão de beleza ou prefere ler seu livro?

Créditos da foto

O livro "As Armadilhas de uma Cozinha"

O livro As Armadilhas de uma Cozinha, é de autoria de Roberto Martins Figueiredo - Dr. Bactéria lembram dele na Globo?



Nesse livro ele escreve que ao pensarmos em um local contaminado em nossas casas imediatamente nos vem à cabeça a imagem do banheiro. No entanto, pesquisas demonstraram que as cozinhas se apresentam mais contaminadas. Bactérias fecais estão presentes em todos os locais da cozinha, incluindo esponjas, panos de prato e até nas pias. 

Este livro tem como objetivo apresentar conhecimentos técnicos a todos aqueles que de algum modo manipulam alimentos, seja para terceiros ou para si. Inclui teste de riscos no manuseio, preparo e estocagem de alimentos no lar.

Li e aproveitei muitas ideias para casa. Agora estou sorteando para as leitoras do blog. 

27 de janeiro de 2015

5 dicas para limpar o ralador

As dicas não são novas, muitas são dos tempos de nossas bisavós, mas vale a pena rever. Talvez elas sejam novas para você e podem ajudar em algum momento da higienização do ralador de queijos.



  1. Passe uma escovinha com água quente. Depois lave com detergente e enxague bem.
  2. Para remover pedaços de queijo que ficam grudados e endurecidos, esfregue o ralador com a metade de um limão.
  3. Passe uma batata crua sobre a superfície do ralador para retirar os resíduos de queijo ou de legume.
  4. Pincele o ralador com óleo antes de ralar queijo. Na hora de lavar, o queijo se soltará mais facilmente.
  5. Se o ralador continuar sujo, coloque-o no congelador por algumas horas. Se restar algum pedaço de queijo, sairá com facilidade.

Créditos da foto

26 de janeiro de 2015

O que fazer na segunda

Quem acompanha a agenda de casa sabe que segunda-feira é dia de dar uma geral nas salas. Passe o aspirador, retire manchas dos móveis, das paredes e tapetes. Limpe os cantos do ambiente, observe os livros, a cúpula do abajur, as fotos expostas, as molduras dos quadros e os demais objetos. Limpe os móveis.




Sempre guarde tudo que não pertence ao ambiente do dia. A frequência dessa limpeza varia de acordo com a manutenção que é feita durante a semana. Tudo depende do movimento de pessoas e das atividades realizadas nesses espaços.

Antes de limpar móveis e tapetes da sala observe os materiais para não estragar com a limpeza. Lave as capas de almofadas todas juntas para ficarem com a mesma cor sem demonstrar desgaste.

23 de janeiro de 2015

Como fazer barra de calça

Você já viu alguém bem produzida e com a barra da calça mal feita porque a fita crepe não segurou direito? Eu já vi. Para resolver o problema em um hora dessas, é só passar em uma lavanderia e mandar fazer. O preço é um pouco alto mas, fica perfeita. Nos shoppings há loja especializada em serviços desse tipo também. Mas se você quiser, pode fazer uma barra bem feita sem grandes problemas. Confira:
  1. Desmanche a barra existente e retire os fiapos.
  2. Passe o ferro para tirar a marca antiga.
  3. Dobre o tecido na altura desejada e marque com alfinetes.
  4. Estique a calça em uma superfície lisa e meça a outra perna.
  5. Não deixe a bainha muito larga o ideal é 3 centímetros.
  6. Vire a peça do avesso e escolha a linha mais adequada.
  7. Faça a bainha com cuidado para os pontos não aparecerem do outro lado.
O ponto invisível ou cruzado são os mais indicados para bainha a mão. Veja algumas sugestões de ponto a mão. 



Voltar ao topo